Início > Pensamentos > Lendo
O que permanece

Os verdadeiros tesouros da vida não estão em conquistas materiais, acúmulos, estruturas, garantias ou segurança, mas nos sentimentos compartilhados e na compreensão de que cada instante é único e nunca mais se repetirá. Viver o agora, de peito aberto, sentindo-se grato pelas bençãos (e até mesmo pelos desafios) nos faz ver que a lei da vida é a impermanência. Saibamos estar mais presentes no presente e sermos uma dádiva a cada pessoa que cruza o nosso caminho, pois afeto é o que permanece, quando tudo o mais perece.

Veja também
  • Onde há faísca há força

    Uma força ígnea não se nomeia. Tantas vezes somente se tateia. Mas nesse ato, o primeiro ponto, o primeiro passo. A semente, (...)
  • Limpeza

    Perceba a necessidade de romper com o que limita a sua singularidade. As barreiras não estão em circunstâncias externas, ou em (...)
  • Um novo jeito

    Esqueça as antigas regras de como as coisas deveriam ser. Invente um novo jeito. Que seja autêntico, retrato de tua singularidade e (...)

Ver todos Escritos »
Isabel Mueller 2018 Todos os direitos reservados
Desenvolvido por Rian Design